19 - 09 - 2017

Top5: Romances de Época


No top5 de hoje irei listar os meus 5 romances de época favoritos, foi muito difícil escolher só 5 haha, embora eu tenho começado a gostar de romance de época no ano passado (2016) já li vários e sou apaixonada pelo o estilo, todos os livros que escolhi dei boas risadas, adoro livros que mistura romance com humor. Enfim chega de enrolação e vamos para top5 de hoje.






5° Lugar: Aprendendo a Seduzir
Sinopse:
Durante um baile, Lady Caroline Linford abre a porta de um dos cômodos e flagra seu noivo, o marquês de Winchilsea, nos braços de outra mulher. Para a sociedade vitoriana do século XIX, tais escapulidas masculinas eram normais, e cancelar o casamento seria impensável. O jeito, decide a jovem, é aprender a ser, ao mesmo tempo, a esposa e a amante, para que o marquês nunca mais tenha de procurar outra mulher fora do lar. Por isso, resolve tomar lições - teóricas - sobre a arte do amor com o melhor dos professores - Braden Granville, o mais notório libertino de Londres. Logo nas primeiras aulas começam a voar faíscas e as barreiras entre professor e aluna caem.


Orgulho


4° Lugar: Romance com o Duque
Sinopse:
"Izzy sempre sonhou em viver um conto de fadas. Mas, por ora, ela teria que se contentar com aquela história dramática." A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai. Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida. Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa. Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque...


Orgulho


3° Lugar: O último dos Canalhas
Sinopse:
O devasso Vere Mallory, duque de Ainswood, está pronto para sua próxima conquista e já escolheu o alvo: a jornalista Lydia Grenville. Só que desta vez, além de seduzir uma bela mulher, ele deseja também se vingar dela. Ao se envolver numa discussão numa taverna, Vere foi nocauteado por Lydia e se tornou alvo de chacota de toda a sociedade. Agora ele quer dar o troco manchando a reputação da moça. Mas Lydia não está interessada em romance, principalmente com um homem pervertido feito Mallory. Em seus artigos, ela ataca nobres insensatos como ele, a quem considera a principal causa dos problemas sociais. Nesse duelo de vontades, Vere e Lydia se esforçam para provocar a derrota mais humilhante ao mesmo tempo que lutam contra a atração que o adversário lhe desperta. E, nessa divertida batalha de sedução e malícia, resta saber quem será o primeiro a ceder à tentação.


O


2° Lugar: Cilada para um Marquês
Sinopse:
"De todas as bobagens incríveis que ele já tinha visto as mulheres fazendo ao longo de sua vida, aquela era, sem dúvida, a pior." Sophie Talbot é conhecida pela Sociedade como uma das Irmãs Perigosas – mulheres Talbot que fazem de tudo para se arranjar com algum aristocrata. O apelido chega a ser engraçado, pois se existe algo que Sophie abomina é a aristocracia. Mas parece que mesmo não sendo uma irmã tão perigosa assim, o perigo a persegue por todos os lugares. Quando a mais "desinteressante" das irmãs Talbot se torna o centro de um escândalo, ela decide que chegou a hora de partir de Londres e voltar para o interior, onde vivia antes de seu pai conquistar um título. Em Mossband, ela pretende abrir sua própria livraria e encontrar Robbie, um jovem que não vê há mais de uma década, mas que jura estar esperando por ela. No entanto, ao fugir de Londres, seu destino cruza com o de Rei, o Marquês de Eversley e futuro Duque de Lyne, um homem com a fama de dissolver noivados e arruinar as damas da Sociedade. Rei está a caminho de Cumbria para visitar o odioso pai à beira da morte e tomar posse de seu ducado. Tudo o que ele menos precisava era de uma Irmã Perigosa em seu encalço. O Marquês de Eversley está convicto de que Lady Sophie Talbot invadiu sua carruagem para forçá-lo a se casar com ela e conquistar um título de futura duquesa. Já Sophie tenta provar que não se casaria com ele nem que fosse o último homem da cristandade. Mas é quando o perigo tem olhos verdes, cabelos claros e a língua afiada? Essa viagem será mais longa do que eles imaginavam...


Cilada


E o primeiro lugar fica com o clássico de Jane Austin, foi o primeiro romance de época que li e que me fez apaixonar pelo estilo.


1° Lugar: Orgulho e Preconceito
Sinopse:
Orgulho e preconceito se passa na Inglaterra do século XVIII, na qual nos deparamos com as castas formadas por ricos, burgueses e nobres. A despeito dos cenários antigos descritos no livro, o leitor se deparará com um mundo moderno, pois, por detrás de todas as pompas, ritos sociais e regras de etiqueta muito comuns à época, mora soberana, na obra de Austen, a crítica ao caráter humano, sempre diversificado e atemporal. A autora, além de documentar o convívio das pessoas de sua época, denota, através de sua prosa, um controle imenso do humor e da ironia - figura de linguagem que exerce total influência de sua obra - e delata a hipocrisia, a superficialidade e os estereótipos que até hoje se mantém em voga em nossa sociedade.


Orgulho


E aí, gostaram do Tpo5 de hoje?! Vocês já conheciam esses livros?!, quais outros romances de épocas vocês acham que deviam estar na lista. Comentem!!




Veja Também




Compartilhe:




Deixe o seu comentario: